Para quem gostou do filme A Espinha do Diabo tem grandes chances de gostar de O Labirinto do Fauno, do mesmo diretor, Guillermo del Toro.

Poster do O Labirinto do FaunoO Labirinto do Fauno, (El laberinto del fauno, 2006).

Assim como no A Espinha do Diabo, este é um filme que mistura fantasia, terror e história num só filme. Fica até um pouco difícil definir o gênero do filme.

Me desculpem as comparações com o A Espinha do Diabo mas são muitas as semelhanças, por exemplo uma criança como protagonista. Mas não por isso o Labirinto do Fauno perde em originalidade.
Há uma história muito bem elaborada mas o grande forte são os monstros.

Cada monstro é uma obra de arte em particular. Uma feliz fuga dos lugares comuns de filmes de fantasia ou terror.

Outro ponto forte do filme são as referências históricas do regime fascista do ditador Francisco Franco. Isso porque há um paralelo entre o sentimento de terror do pais e o clima de terror e surrealismo dentro do filme. É um filme de duas historias paralelas.

Cena do filme o Labirinto do FaunoApesar de ter tantas qualidades eu achei o filme um pouco sem ritmo. É um filme que te marca visualmente mas não te prende de fato enquanto você o assiste. Foi essa sensação que eu tive.

Compre alguns outros trabalhos do diretor em DVD: Blade II, Hellboy (Buscapé).

O filme fica com 3 de 5 Schnauzers:

Nota 3

Dessa vez eu fique com a necessidade de existir uma nota 3 Schnauzers e meio.