É muito comum para quem tem um blog se importar muito com a número de visitantes únicos ou exibições de páginas por dia.

Gato com a cabeça de lado
- Aaah! Então é assim.

Esses números são muito importantes já que quase todas as outras estatísticas do seu blog são diretamente ou inversamente proporcionais as visitas.

Eu vou mostrar aqui algumas métricas e técnicas para melhorar a qualidade das visitas.

Nós já temos uma boa quantidade de posts nesse blog, algo perto de 400, mas nem todo mundo conhece todos os posts. Muitos posts antigos são muito bons mas tem pouca leitura já que todos, obviamente, acessam mais os posts mais novos.

Para melhorar isso, estou tentando aumentar o tempo que o leitor passa dentro do blog e o número de páginas que ele vê. Melhorar a qualidade das visitas. Serão três métricas utilizadas, medidas pelo Google Analytics.

1º – Tempo Médio. O média do tempo que os leitores gastam dentro do blog. Claro que esse número é um tanto falso já que é normal navegarmos com múltiplas abas ou janelas abertas por um longo tempo. Mas é um número que vai crescer proporcionalmente à popularidade do seu blog. A nossa média atual hoje é de 07:45 mas se eu considerar só as últimas semanas a média é de 08 minutos.

Duração das visitas medida pelo Google Analytics
A maioria das pessoas ou são analfabetas ou sabem leitura dinâmica. No que você aposta?

2º – Duração das Visitas. Reflete melhor o comportamento do usuário. Dá para notar que a maioria das visitas duram menos que 10 segundos. Eu acredito que esse seja o tempo pra pessoa olhar o título de cada post em cartaz e dar uma olhadinha nas imagens. Daí a importância de se escrever títulos chamativos e ter uma boa quantidade de imagens. Felizmente também temos 13% de pessoas que passam até um minuto no blog, talvez até lendo os posts.

3º – Páginas por Visita. O número de páginas exibidas por dia, dividido pelo número de visitantes por dia. Aqui no EPTM eu sempre escrevo um post inteiro de uma vez, sem a necessidade do usuário clicar para depois poder ler o post (o botão botão more do WordPress). A exceção é quando o post é muito longo ou quando há algum conteúdo NSFW. Ainda assim nossa média 2,16 páginas por visitante. Desse número eu tiro que as pessoas quem vem para o endereço raiz estão clicando em algum post antigo ou virando a página e que as pessoas que vem para algum post em específico estão indo para o endereço raiz ou para algum outro post.

Como melhorar isso

O próprio WordPress tem alguns recursos nativos que podem ajudar a incrementar esses números. Usar temas que sejam widget-ready é muito importante, com eles você pode usar o recurso de Widgets na seção Apresentação.

Recent Posts

O Recent Posts é um dos mais fáceis. Ele mostra uma quantidade de títulos de posts mais recentes. Você pode conferir o nosso aí na barra direita. Aqui nós usamos o máximo que é de 15 posts antigos. É importante principalmente quando os leitores vem para um artigo em específico e iriam embora sem a possibilidade de achar os posts mais antigos facilmente.

Se você possui posts específicos que você acha que os leitores vão se interessar crie links para eles usando os widgets de texto. Aqui existem alguns que eu fiz também uns botões. São os posts para as tirinhas, estudos e filmes.

Plugins

WP-PageNavi – Um dos inúmeros plugins do Chan Lester. Com ele você pode colocar uma paginador no estilo digg. Bem melhor que o padrão do WordPress que só permite passar uma página por vez.

Paginador estilo digg
É possível mudar o estilo da paginação usando o CSS

Terong Related Links – Esse plugin faz com que você possa dizer quais são os artigos relacionados com cada post. A seleção dos artigos relacionados é manual e um pouco trabalhosa mas acho melhor do que automática. Não sei como esse blog vivia sem esse plugin.

Ok, essas foram as minhas dicas. O que eu mais posso recomendar é escrever com prazer e com qualidade, não só de plugins e links um blog pode viver. ;)

LG Prada

Olha o dia dos pais chegando. Dê uma olhada nos preços dos celulares mais caros e nos mais baratos. Buscapé.