Estado é bom e eu gosto, mas só o Estado não é grande nem ágil o suficiente em momentos de exceção. Quando há pressa, como diria Betinho, a sociedade precisa se mobilizar para resolver seus próprios problemas. É o caso do estado de emergência que se passa Santa Catarina depois das chuvas que desabrigaram mais de 60 mil e já mataram mais de 100 pessoas.

Você pode procurar um dos postos de coleta de doações espalhados por todo o país. Aqui em Fortaleza, o CEFET-CE e os Corpos de Bombeiros estão recebendo doações. Você também pode procurar o CEFET da sua cidade para fazer doações. Os itens mais necessários são água potável, alimentos prontos, material de higiene pessoal e produtos de limpeza.

Também é possível fazer doações diretamente em dinheiro para a Defesa Civil de Santa Catarina através de uma das contas bancárias. Através da doação em dinheiro a Defesa Civil poderá converter as doações em produtos e serviços mais urgentes em cada situação. As contas bancárias são:

  • Banco do Brasi, agência: 3582-, conta corrente: 80.000-7.
  • Besc, agência: 068-, conta Corrente: 80.000-0.
  • Caixa Econômica Federal, agência: 1877, operação 006, conta 80.000-8 .
  • Bradesco, agência: 0348-4, conta Corrente: 160.000-1.
  • Itaú S/A, agência: 0289, conta corrente: 69971-2.
  • Banco/SICOOB SC, agência: 1005, conta corrente 2008-7.
  • SICREDI, agência: 2603, conta corrente 3500-9.
  • Santander, agência 1227, conta corrente 430000052.

O nome da pessoa jurídica é Fundo Estadual da Defesa Civil, e o CNPJ é 04.426.883/0001-57.

Informações bancárias retiradas do site do G1.

Se você quer ajudar, aí estão duas formas: através de doação de itens ou dinheiro. Se você está por perto e quer fazer mais a Defesa Civil informa que o cadastro de médicos, enfermeiros e demais profissionais da saúde voluntários pode ser feito através da Secretaria de Saúde. Para demais formas de voluntariado você pode procurar o Instituto Voluntários em Ação.