Posts tagged Diabéissu

Onde Está a Diversão?

Quase todo mundo que mora aqui no Ceará já teve a chance de ir no Beach Park quando era menor. Eu mesmo já fui muitas vezes mas nunca aproveitei nenhum brinquedo muito além da “correnteza” (esse é o nome do brinquedo mais fuleragem). A questão é que as minhas experiências com tobogãs, escorregadores, montanhas russas e brinquedos giratórios não me indicaram nenhum grau de diversão. Nem de longe.

Roda Gigante
omg! Uma roda gigante artesanal

Parques de diversão também sempre foram dinheiro jogado fora. Cheguei a experimentar alguns brinquedos mas nada que justificasse gastar dinheiro para pagar uma auto tortura insuportável. Eu sempre julguei que meu problema com esses brinquedos era medo, mas uma vez eu fui num brinquedo que chamam a barca, mas uma versão bem menor, e fui muito ruim assim mesmo. Aquilo ficou na minha cabeça, eu não tinha medo daquele brinquedo, é um brinquedo de criança, eu fiquei até o fim, mas eu estava passando muito mal.

Alguns acontecimentos recentes já apontam que o problema todo está no meu labirinto, que as vezes é muito sensível. Eu posso perder o equilíbrio se eu tomar muito café por exemplo, mas são coisas que eu convivo numa boa e quase nunca me atrapalham em nada.

Bem mas isso é só um texto para introduzir essas fotos, que devem ser mais ou menos minha cara quando eu ia nesses brinquedos.

menina bikini tobogã

Essa aí é de dar pena:

menina Assustada montanha russa

Encontre quem não está se divertindo nessa foto:

Cara assustado montanha russa

Essa foto é a mais bizarra do dia, sem dúvida. Na fila de cima, o primeira carinha vai dar um hadukem a qualquer momento e o segundo vai morrer a qualquer instante (ou já morreu). Na fila de baixo o carinha tá achando truezão e o outro tá até rindo.

Japoneses medo de montanha russa

Bem e essa foto, nada de mais. Acho que as pessoas estão até se divertindo.

montanha russa diversão gracinha jovens

E lembrem-se criançada, sempre escovem os dentes depois do vômito:

escovando os dentes dentro da montanha russa

Esse aí se divertiu mesmo!

Montanha russa cara safado

escorregadorSe seus filhos não tem problema com isso, aproveite e dê uma olhada nos preços de tobogãs e escorregadores de jardim e playground.

Buscapé.

Os Malditos Sacos Plásticos

Eu devia ter desconfiado que alguma coisa estava errada.

Bebe japonês dentro de um saco plástico
Até bebés são vítimas dos sacos plásticos

Tudo começou com aquele filme, Beleza Americana, filme muito bom por sinal. O que nunca saiu da minha cabeça é qual era a daquele cara que ficava filmando um saco plástico voando ao vento. Ele dizia que o saco estava dançando e que era a coisa mais bonita que ele já tinha visto (doía até). Talvez tenha sido daí que começou, o meu ódio contra as sacolinhas.

Sacos plásticos além de ser um grande problema para a natureza, já que não são degradáveis biologicamente, ainda ficam voando por aí, grudando no pé da gente, fazendo barulho a noite, rasgando, furando e molhando!
E esses malditos sacos voam mesmo. Além de tudo eles ainda tem um desenho aerodinâmico que facilita sua distribuição e propagação. Não é raro eu ver quando eu estou deitado em minha cama um ponto branco se deslocando no céu azul, carregado pelo vento – Caralho! Lá vai mais um maldito saco plástico!

Vamos ao perfil do vilão, segunda a Wikipédia:

Os sacos de plástico podem ser feitos de polietileno de baixa densidade, polietileno linear, polietileno de alta densidade ou de polipropileno, polímeros de plástico não biodegradável, com espessura variável entre 18 e 30 micrometros. Anualmente, circulam em todo o mundo entre 500 biliões a 1 trilião destes objectos.

Sacos plásticos não tem vida própria, só tem utilidade quando utilizado em conjunto com outros objetos. E pior, é uma utilidade passageira, depois de transportar compras no supermercado ele já não é mais útil. Mas qual seria o problema? O problema é que depois que ele deixa de ser útil ele não volta para o supermercado para ser útil novamente, ele tem ainda uma longa vida perambulando pelo mundo afora.

E os sacos plásticos são espertos, eles te dão uma sensação de que você um dia vai precisar dele (e provavelmente vai mesmo) que te faz guardar alguns por segurança. É uma sensação de desperdício jogar vários sacos plásticos no lixo (outro saco plástico!). Assim eles foram conseguindo permanecer no mundo, e lentamente tomaram conta de tudo.

Tartaruga comendo saco plástico
Uma hora ou outra os malditos sacos plásticos vão parar em rios e no mar, matando por sufocamento animais como baleias, tartarugas e golfinhos que confundem o plástico com algas.

E o pior é que quando você vai no supermercado eles tentam te empurrar dezenas de sacos plásticos de uma vez só. Já não bastassem as embalagens plásticas que vão ser descartadas quase imediatamente ainda colocam um saco plástico pra cada item. É bem comum a cena, eu estou passando umas coisas no supermercado e coloco dois itens em uma mesma sacola e o caixa diz:

– Coloca aqui esse nessa sacola – tira o item de dentro da sacola – e põe nessa. Deixe só uma coisa por sacola.
- Não, muito obrigado. Eu só vou com isso do caixa até ali no carro, não preciso de tantas sacolas. Obrigado.
- Não, eu faço questão! Tome, tome mais essas sacolas! Olha esse refrigerante, coloca duas sacolas, porque aí não rasga.
- Duas sacolas? Não não não precisa se preocupar. Eu vou ter cuidado para o refrigerante não cair, obrigado.

Alguém pode me explicar porque eles fazem isso? É uma conspiração para entupir o mundo dessas malditas sacolas plásticas? Alguém sabe de alguma coisa que eu não sei?

Gatinho gato preso num saco plástico
Até os gatinhos, sem os quais esse blog não viveria, são vitimados pelos malditos sacos plásticos. Foto de Seth Anderson.

Tá certo que quando eles distribuem gratuitamente sacolas com suas marcas estampadas eles estão conseguindo uma forma de publicidade barata, mas isso não chega a compensar, nem de longe, os danos. Eu não colocaria minha marca estampada num saco plástico.

Mas nem só de tristeza eu vivo. Lentamente um levante de ideias e ações em todo o planeta faz estremecer esse império plástico e eu já podemos vislumbrar um mundo livre do uso indiscriminado de sacos plásticos.

  • Austrália: Comerciantes são incentivados à comprarem a chamada “sacola verde” que podem ser reutilizadas várias vezes. A cidade de Coles Bay baniu o uso de sacos plásticos.
  • Taiwan: Sacos plásticos foram banidos. Se te pegarem usandos saco plástico eles te cortam um braço. Brincadeira, não cortam teu braço não, mas as sacolas de plástico foram banidas mesmo.
  • Irlanda: Há um imposto de 0,22€ para cada saco plástico distribuído. O dinheiro vai para projetos ambientais. Com o imposto houve um decréscimo de 90% no uso dos malditos sacos plásticos. Legal, pra eles mas o Brasil não precisa de mais um imposto, aqui cairia bem uma contrapartida, como isenções para supermercados que banissem o saco plástico.
  • Alemanha: As lojas vendem sacos plásticos por preços que variam de 5 a 25 centavos de euro dependendo do tipo de sacola. Sacolas mais fortes e reutilizáveis são vendidas por cerca de 1€. Mesmo assim há lojas que distribuem sacos plásticos descartáveis.
  • Zanzibar: Baniu o uso de sacos plásticos. Devido aos danos a vida marinha o turismo, principal atividade da economia, estava sendo prejudicado. Usou um saco é seis meses de xadrez ou multa de 2000 dólares (dessa vez é sério, não tô brincando).
  • Bangladesh: Baniu os sacos plásticos. Lá os sacos plásticos além de tudo entopem esgotos que por sua vez causavam enchentes. Ser pego com um saco plástico dá uma pesada multa e até prisão.

Quando eu era pequeno, eu morava numa cidade pequena e distante, no alto de uma serra. Nós fazíamos compras aos domingos numa feira local onde os produtores se reuniam para vender seus produtos. Era uma cena muito típica minha mãe pegando uma velha sacola (de plástico também, mas um plástico bem firme) e levando mais uma vez para a feira.

Menino cercado de sacos plásticos
No fim das contas os sacos plásticos vão atrapalhar a vida de alguém.

Eu não me lembro de isso ser um estorvo, era algo comum, simples e normal. Todos viviam suas vidinhas sem sacos plásticos e talvez sem saber éramos mais felizes.

Talvez Sam Mendes, o diretor de Beleza Americana, seja assim como eu um inimigo declarado dos sacos plásticos. Talvez ele tenha o usado como símbolo de um consumismo desenfreado e irracional, em contra ponto à beleza passageira dos pequenos instantes.

Encontre o Intruso

Um divertido jogo para vocês, encontre o intruso em cada foto.

Quem está errado na foto?
Dica:Quadrúpede e mamífero :P

Muscle mans
Dica: Fisiculturista preguiçoso

Esse é o mais sutil:

Crianças fazendo careta
Dica: Não gosta de seguir ordens como “Crianças, façam uma careta!”

O que não fazemos por nossos gostos:

Gato camuflado de coelho
Dica: Esse gosta de cenoura.

Essa era um pouco NSFW e eu coloquei uma tarja, para ver a imagem original clique na imagem:

Em roma como os romanos
Dica: Em Roma, como os romanos. O_o

Restaurante
Dica: O cara errou o traje para o jantar.

WiiiiEu não consegui pensar em nada bom para colocar no anuncio. Então dê uma olhada em quanto tá custando comprar um Wii aqui no Brasil. Buscapé.

Leonid Stadnyk, o Homem Mais Alto do Mundo

E o Ronald Rios acha que tem problemas com altura.

Esse é Leonid Stadnyk. O cara que mais tem problemas com altura no mundo, porque no momento ele oficialmente é o cara mais alto do mundo, 2 metros e 58 centímetros.

Leonid Stadnyk e uma árvore
Pra que subir em árvores?

Leonid Stadnyk e suas vizinhas
A boa conversa de vizinhos no muro…

Leonid Stadnyk e sua mãe
Em quase todas as fotos ele está com a mãe dele.

Leonid Stadnyk medindo a mão
- Para com isso mãe, eu tô com vergonha. Para com essa história de proporcionalidade…

 

Leonid Stadnyk trocando lâmpadas
- Deixa eu me sentar aqui pra eu poder trocar a lâmpada.

Gigante sentado no sófa
- Eu estou sentado no seu sófa. Alguém já parou pra pensar como é a privada da minha casa? Lol.

Leonid Stadnyk foto em família
Foto em família. Eu sou o cara atrás da árvore.

Leonid Stadnyk bebendo água
Leonid Stadnyk fazendo uma cachoeira no seu esófago.

Leonid Stadnyk jogando celular
- O pior de tudo é a discriminação contra os verticalmente avantajados. Olha só o tamanho dessas teclas!

Leonid Stadnyk sendo medido
Mulher escala Leonid. Minutos depois ela pulou para a morte.

Leonid Stadnyk olha os sapatos
- Oba. Sapatos novos!

Leonid Stadnyk diz jóia
- Jóia!

Escada stairs

Leonid é um cara legal e simpático mas está sem namorada. Alguma candidata? Vão logo olhando os preços de escadas de alumínio ou madeira. Buscapé.

Adacyr e o Crânio Maldito

Não não não, para tudo. Essa é a coisa mais engraçada que eu li nos últimos tempos.

O Motoqueiro Fantasma
Só lendo o post inteiro para entender o que essa foto tem a ver…

Eu até tentei ler essa notícia numa boa, mas é pura comedia.

Essa é uma das pistas que a polícia está seguindo para resolver o caso do seqüestro da universitária Priscila Belfort. Um catador de lixo encontrou um crânio humano em um sítio, local onde as pistas apontam ser onde Priscila foi morta e enterrada.

O que o catador de lixo fez?

  • a) Chamou a polícia. Afinal se você acha um crânio humano fora de um ser humano, existe algo de errado nisso.
  • b) Guardou o crânio na sua coleção pessoal de crânios, mais alguns e a coleção está completa.
  • c) Foi vender o crânio no eBay mas devido a limitações de inclusão digital ele acabou vendendo para um conhecido, por 50 pilas.

Se você escolheu a alternativa c, meus parabéns. Se você errou, não desanime.

Pois bem, ele vendeu o crânio para Adacyr B., 43 anos, que eu chamarei somente de Adacyr.

MusicSugestão musical: Born to be wild – Steppenwolf

Adacyr é professor de informática mas nas horas vagas o que ele gosta mesmo de fazer é ser o motoqueiro doidão. Ele e seu amigos do motoclube Abutre (tô falando sério) saem por aí por suas motos do mal. Adacyr para não ficar pra trás colocou o crânio para adornar sua moto, que agora era uma das mais malvadas. Adacyr estava feliz.

moto metal skull
Motoca de mulherzinha. Macho que é macho tem um crânio humano de verdade, porra!

“Sempre usei de animais. Jamais pensei em colocar um crânio humano. Mas o catador disse que tinha uma caveira que ficaria ‘show’ na minha moto. Maldita hora que aceitei aquilo.” – Adacyr

Mas coisas estranhas começaram a acontecer com Adacyr depois que ele levou o crânio para casa para decorar seu desktop.

“Minha mulher pediu a separação porque não queria aquela coisa dentro de casa. Depois, minha mãe morreu, minha filha teve pneumonia e eu fiquei tão traumatizado que precisei fazer tratamento psicológico” – Adacyr

Crânio de boi
Essa foto eu tirei na minha última viagem. Se alguém quiser comprar esse crânio podemos negociar. :P

Mas como todos sabem, não é nada fácil de livrar de um crânio amaldiçoado e Adacyr estava prestes a perder tudo.

“Fiquei atrás do catador, para devolver. Mas ele não apareceu nem para receber os R$ 50 que cobrou. Então, joguei aquilo no lixo. Nunca imaginei que poderia ser de uma pessoa famosa. Quero fazer o que for possível para reparar esse dano, que causei sem querer. Rezo todos os dias, até para minha ex-mulher, que me largou e agora, aos 21 anos, só vive metida em bailes funks.” – Adacyr

MusicSugestão musical: Funk do Jeremias

Baile Funk
- É o bonde da caveira! Rebola cachorra!

Nosso herói Adacyr virou evangélico e hoje não quer mais saber de motos, chifres, caveiras ou baile funks. Minha maior sugestão é se encontrar um crânio no lixo, cuidado, pode ser o crânio de Adacyr.

Caveira rindo

Essa história tem tudo para ser um ótimo filme de terror bem trash e bem brasileiro.

Crânio skull caveira Aproveite e dê uma olhada de ótimos preços de crânios e cérebros para você decorar seu escritório, consultório ou templo de magia negra. São de plástico! Buscapé.