Posts tagged Já vi esse filme

Termina a Segunda Temporada de Prison Break

Terminei de assistir a segunda temporada de Prison Break, série de televisão que eu já havia comentado aqui anteriormente.

Prison Break ridículoAdianto de antemão que esse post tem doses cavalares de spoiler. Se você pretende assistir esse serie e ter alguma surpresa é bom usar o scroll do mouse agora.

A primeira temporada terminou muito bem. Os últimos episódios foram totalmente emocionantes e todo mundo que eu conheço vibrou do inicio ao fim.

A segunda temporada tinha tudo para ser também ótima. O Abruzzi com suas ligações com a máfia italiana trazia inúmeras possibilidades fantásticas para a série. Tudo bem, eu adimito, eu sou um fã de filmes de máfia italiana.

Por outro lado um seriado chamado Prison Break fica meio estranho fora da prisão. Mas tudo bem, a Malhação taí 12 anos e já faz tempo que ninguem faz nem uma abdominal por lá, e tem muita gente que assiste.

Mas logo no terceiro episódio da série eles simplesmente fuzilam o Abruzzi e as melhores chances que eles tinham de roteiro:

Abruzzi morrendo
Nossa como eu fiquei puto ao assistir essa cena.

Cada um segue seu caminho mas aparece um lance dos milhões de dólares enterrados por um dos prisioneiros que morreu na fuga. Vários episódios são gastos numa espécie de corrida maluca para pegar o dinheiro. É tanto clichê que eu já tô me coçando todo.

Mahone

Um novo personagem é inserido, o agente Mahone. Um agente super fodão aparentemente tão inteligente quanto Scofield e com um passado sombrio. Esse cara é a coisa mais caricatural que eu já vi. O pior é que depois que esse sub temporada do dinheiro termina a série perde ainda mais o rumo, fica vagueando dentro da temática chata de conspiração.

Além de Mahone, alguns outros bons personagens fazem muito para salvar a temporada. O Agente Paul Kellerman por exemplo, fica bastante interessante no meio para o final da temporada. Mas vejam o que acontece com ele no último episódio:

Paul Kellerman morre também
PQP! Mas que mania de fuzilar as pessoas!

Tem também o T-Bag, outro personagem com uma certa complexidade.

T-Bag

Sua amoralidade e sagacidade faz com que ele acabe sendo o mais esperto do grupo. Ele é contraditório e é isso que faz dele um personagem bom para a trama. Esses elementos são até que bem utilizados na segunda temporada.

Um interessante detalhe: lá pelos últimos episódios, o Scofield e o Burrows lêem a mensagem de que T-Bag está com a “The Bag” (a mochila com o dinheiro). Sacou? T-Bag e The Bag? sacou1.gif Será que o nome dele foi colocado desde o inicio da primeira temporada pra fazer esse trocadilho?

Eu espero que não fuzilem ele no início da terceira temporada.

DVD do Prison BreakVocê ainda pode curtir a primeira temporada, que é muito boa. Você pode comprar a caixa de DVDs da primeira tempoarada baratinho pesquisando no Buscapé.

Pequena Miss Sunshine

Poster do filme Pequena Miss Sunshine, Little miss sunshine

Pequena Miss Sunshine (Little Miss Sunshine, 2006).

Um excelênte road-movie em estilo comédia/drama, mas com os dois pés no humor negro.

O que é o humor negro? Não, não é o Eddie Murphy. Humor negro é tratar temas, que geralmente seriam tratados com seriedade e respeito, de uma forma cômica.

Não há essa história de “com isso não se brinca” em Pequena Miss Sunshine. Temas geralmente deixados de lado são o alvo do humor, coisas como doenças, pobreza, auto-ajuda, suicídio, drogas, beleza, homossexualismo etc. O filme deixa pouco espaço para o humor pastelão.

Aliás, só por zoar com auto-ajuda já ganhou um Schnauzer.

Tela do filme Little Miss Sunshine

Outro Schnauzer ganha pela trilha sonora. Ao invés de usar orquestras como é comum em filmes desse gênero, ele usa música tradicional latina, tecno e um tema que me lembrou muito os de Yann Tiersen. Mas o que ele usa muito bem é o silêncio (reparem quando assistirem), a música é usada realmente para preencher e o silêncio é deixado para acentuar ainda mais a contradição de se rir de uma situação séria.

Tela do filme Little Miss Sunshine

É estranho dizer mas é o filme onde eu ouvi o melhor silêncio.

Os outros SchnauzerSchnauzer eu não poderia explicar sem um tremendo spoiler.

A nota é 4 de 5 Schnauzers.

4 Schnauzers

Recomendo. Se você gosta de humor negro, esse filme é pra você.

DVDLogo logo esse filme sai em DVD. Que tal dar uma olhada nos DVDs mais baratos e quem sabe encontrar o que você procura? Dos mais baratos aos mais caros. Buscapé.

Muito Gelo e Dois Dedos D’água

Tem saído muitas comédias razoáveis no cinema brasileiro, infelizmente não foi bem o caso de Muito Gelo e Dois Dedos D’água.

Cena do filme Muito Gelo e Dois Dedos D’água

Muito Gelo e Dois Dedos D’água, 2006. Não venha me dizer que o Brasil não tem boas comédias. O próprio diretor de Muito Gelo e Dois Dedos D’água, Daniel Filho, também dirigiu em 2006 o filme Se Eu Fosse Você, que é bem bonzinho. Sem falar é claro de filmes como A Máquina e o Auto Da Compadecida, ambos de João Falcão ou Lisbela e o Prisioneiro.

A historinha do filme é o seguinte: Duas mulheres decidem se vingar da avó, que durante a infância delas as atormentava com conceitos rígidos sobre etiqueta e educação, sequestrando-a e levando-a para a casa de praia da família.

Cena do filme Muito Gelo e Dois Dedos D’água
Momento do uso saudável de animação.

O filme ganha um Schnauzer pelos efeitos uso de mesclado de desenho animado e histórias e quadrinhos e por ter usado chroma key corretamente em algumas cenas. Apesar de que os efeitos especiais beiram ao abuso em diversos momentos.

Outro ganha mais outro Schnauzer por tem uma trilha sonora legal, com músicas dos anos 80 e vários clássicos. Para ser bem sincero levou mesmo esse schnauzer por ter a música Tecnicolor dos Mutantes na trilha sonora.

Cena do filme Muito Gelo e Dois Dedos D’água

Um dos diversos momentos de humor pastelão do Muito Gelo e Dois Dedos D’água

O filme perde um Schnauzer por não conseguir se encaixar. Há uma mistura de tipos de humor que não foi bem feita. Hora é um humor pastelão exarcebado, em outros momentos é um humor negro e em outras cenas um humor infantil. A tentativa de agradar todos os públicos talvez tenha não agradado nenhum.

Cena do filme Muito Gelo e Dois Dedos D’água
Cena do Strip-Tease com Mariana Ximenes e Paloma Duarte

Um extensão desse problema é um ligeiro excesso de apelo sexual. Nada contra sexualidade no cinema, mas isso tem que ser colocado nos momentos e com os propósitos certos, caso contrário vira uma pornochanchada. Perdeu outro Schnauzer por isso.

Cena do filme Muito Gelo e Dois Dedos D’água
Gostei desse enquadramento.

Em vários momentos eu senti que o Daniel Filho, o diretor do filme, tentou imitar o estilo de montagem do Guel Arraes e do João Falcão. Aqueles diálogos e cortes rápidos e que você vê em Caramuru ou Auto da Compadecida. Perdeu o último Schnauzer. Não por ter tentado imitar esse estilo, eu se fosse diretor fazia isso também, perdeu por não ter conseguido.

 

O veredicto: 2 de 5 Schnauzers.

2 de 5 Schnauzers

Sem choro, porque muito filme bom já ganhou 2 de 5 Schnauzers.

 

RMVB download rapidshare como burlar fotos do menino arrastado mulher pelada sexo download de filmes Quer comprar esse e muitos outros DVDs de filmes pelo menor preço? Então clique nesse link. Buscapé.

 

 

O Segredo de Brokeback Mountain

Não vi uma só pessoa sequer falar mal desse filme então resolvi assistir. Além disso histórias de amores impossíveis é um dos meus gêneros favoritos.Capa do filme o Segredo de Brokeback Mountain

O Segredo de Brokeback Mountain, (Brokeback Mountain, 2005). Fui assistir esse filme com muita expectativa, afinal 8 indicações ao oscar ainda quer dizer alguma coisa. Mas o fato é que eu fiquei bem decepcionado com esse filme por vários motivos.

Primeiro, porque é não era uma história de um amor impossível. Tudo bem que ser cowboy e homossexual pode ser algo complicado mas, poxa, você não está no Afeganistão ou algo assim. Eles poderiam numa boa se juntarem (já que ainda não dá para casar) e ir embora para algum lugar mais liberal. Não é perfeito mas é melhor do que cada um seguir para um lado, casar, ter filhos e ficar vivendo um drama.

Ovelhas
Dois figurantes descansam durante um intervalo das filmagens.

Segundo, o filme é chato. A maior parte do tempo ele fica mostrando as paisagens montanhosas (belíssimas por sinal) e ovelhas, muitas ovelhas, muitas ovelhas mesmo. Se você gosta de ovinos, esse é o seu filme.

Cena do filme Brokeback Mountain
Eu não disse que as paisagens eram bonitas?

Terceiro, filmes que tratam de uma história real tendem a ter um problema com o roteiro, não fica algo tradicional com inicio, meio e fim. Acho que dá para contornar isso, mas não foi o caso. O resultado acaba deixando o filme ainda mais chato.

Eu acho que o que aconteceu foi o seguinte, o filme duramente criticado e censurado nos Estados Unidos. Alguns países babacas chegaram a censurar e proibir o filme. Aí o filme acabou virando uma bandeira, não é um filme que você gosta, é um filme que você apóia, ele virou uma causa.

Eu apoio os direitos dos homossexuais, mas só por isso eu não posso dizer que esse é um filme sensacional. Ele não é. Não conseguiu levar mais do que 2 schnauzers:

2 de 5 Schnauzers

DVD Segredo de Broke Back Mountain, download de filmes gráfis rmvb download Quer dar uma olhada? O DVD desse filme não está muito caro. Pesquise o preço do DVD do filme O Segredo de Broke Back Mountain no Buscapé.

Boa Noite e Boa Sorte

Capa do filme Boa noite e boa sorte

O que aconteceu foi que vários atores ficaram muito ricos e agora podem bancar seus próprios filmes, atuando neles ou não. Isso tem rendido alguns bons filmes.

Boa Noite e Boa Sorte, (Good Night, and Good Luck, 2005). É interessante como os filmes dos Estados Unidos tem dificuldade em tocar em certos assuntos, principalmente quando isso necessita uma auto-crítica dos tempos recentes.

No caso do Boa Noite e Boa Sorte, o assunto é o Macartismo na década de 50, que foi a mania do senador Joseph McCarthy em acusar pessoas em todo o país de serem espiões comunistas.

O filme retrata a saga do jornalista Edward R. Murrow para conseguir através de seu programa de televisão desacreditar McCarthy.

É uma história bonita de profissionalismo e coragem, por isso só eu já recomendo ele, por ser um reflexão muito atual e necessária.

Cena do filme Boa Noite e Boa Sorte

Tem uma boa trilha sonora com jazz e a decisão charmosa de rodar o filme em preto e branco. Porém eu achei o filme um pouco sem ritmo e sem nada de muito especial.

Fica aí com meus 3 Schanauzers:

Nota 3

Nada mal.

Capa do DVD Boa Noite e Boa Sorte Tá afim de comprar o DVD desse filme? Encontre os melhores preços do DVD do filme Boa Noite e Boa Sorte no Buscapé.